Fortalecimento

Fisioterapeuta Vanessa Marques indica exercícios para fortalecer o assoalho pélvico

Por 1 de fevereiro de 2019 Sem Comentários

Controlar a incontinência urinária e melhorar o desempenho sexual são alguns dos benefícios dessa técnica

Muitas mulheres nunca ouviram falar e outras só conhecem quando os sintomas chegam sem hora marcada. “Esse problema atinge pessoas de todas as idades e classes sociais, inclusive as gestantes. Desde jovem há como prevenir, tratar e aliviar algumas disfunções como a incontinência urina, um incomodo tão presente durante a terceira idade”, explica Vanessa Marques.

De acordo com a fisioterapeuta, O Assoalho Pélvico é um conjunto de músculos, ligamentos e tecidos de sustentação que revestem a abertura inferior da pelve (bacia) com a função de manter a continência urinária e fecal, ajudando também no desempenho sexual.

“Suas funções benéficas são diversas, desde a sustentação e proteção de órgãos pélvicos, prevenção da perda involuntária de urina, no esforço (tosse, espirro), e na urgência, a saída de gazes e fezes até desempenhar papel importante durante a relação sexual”, ressalta Vanessa.

A especialista alerta que a falta do fortalecimento dessa região pode acarretar disfunções dos músculos durante a gestação ou parto. Alterações hormonais, associadas a menopausa Sem contar a diminuição do tônus muscular e perineal, associados ao processo de envelhecimento.

Lembrar-se sempre de compartilhar alguma ocorrência de disfunção, como perda de urina ou dificuldades na relação sexual, com seu (sua) Ginecologista. Não tenha vergonha de conversar com seu médico , ele é o profissional mais indicado para lhe indicar o tratamento e o profissional adequado.

“Prevenção sempre. O ideal é agendar uma consulta com uma especialista para que na avaliação a pessoa possa identificar qual seu grau de força, nível de consciência corporal para determinar sua série inicial de treinamento”, finaliza.

 

Assessoria de Imprensa: Andrea Feliconio
Fones: 11-2628-0620/ 99144-9663
andrea@andreafeliconio.com.br

Deixe um comentário